Cerveja especial com cevada da Granja Comary está sob investigação

Granja Comary

Após a denúncia de um consumidor que pede a confirmação da fonte do ingrediente, a cerveja Brahma Edição Especial com cevada produzida na Granja Comary está sendo investigada pelo Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária – Conar.

Apesar de negar a acusação, a Ambev deverá reunir provas de que a informação sobre a origem da cevada em anúncios e no rótulo da embalagem é verdadeira. Caso não seja comprovada a veracidade, o Conar pedirá a alteração ou até mesmo a suspensão da publicidade da cerveja.

O julgamento acontece nesta quinta-feira, 05 de junho.

Além do processo no Conar, o blogueiro Juca Kfouri também fez uma declaração sobre a autenticidade da cerveja. Em um texto publicado na UOL, Kfouri afirma que passou “dois dias e meio de procura incansável” pelas plantações de cevada na Granja Comary, sem sucesso.

A assessoria de comunicação da Brahma afirmou que estas informações são falsas e alega que o cultivo pode ser comprovado por “diversos documentos e fotos”. Em comunicado, a marca de cerveja disse que a colheita aconteceu no começo do ano de 2014. “O cereal foi beneficiado, transformado em malte e utilizado na produção da cerveja. Se hoje não há cevada na Granja Comary, é justamente porque o cereal foi usado no produto que já está sendo comercializado no mercado”, diz o texto.

 

< voltar

Leia outras notícias relacionadas

  • sorvetinho-skol-nota - Cópia.jpg
    Skol lança sorvete de ce...
  • banner
    A cerveja pode ser uma al...
  • banner
    Cervejaria mineira é our...
  • cerveja-sem-gluten
    Pesquisadores criam cerve...

Eventos

BBC